Delfim Netto: “direita incultural”

Delfim Netto comenta as últimas do ministério da educação:

“O encarregado da Educação Nacional insistiu, sob o olhar aprobativo do presidente, numa proposição inimaginável. Disse ele, “imagine uma família de agricultores cujo filho entrou na faculdade e, quatro anos depois, voltou com o título de antropólogo”, coisa absolutamente inútil. O que sugeriu o John Dewey tupiniquim?”

Leia aqui.

Sobre Luiz Carlos de Freitas

Professor aposentado da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP - (SP) Brasil.
Esse post foi publicado em Assuntos gerais, Weintraub no Ministério e marcado , . Guardar link permanente.

3 respostas para Delfim Netto: “direita incultural”

  1. ele disse “direita incultural” ou “dia da mesquinhez”, e não “dia incultural” .
    parabéns pelo maravilhoso blog

  2. Thiago disse:

    Não entendi a referência do Delfim a John Dewey.

    Para Dewey, a democracia é elemento indispensável da educação e vice-versa. O atual ministro odeia a democracia. Aliás, o que ele e esse governo pretendem, ao que parece, é asfixiá-la e destruí-la, usando a educação escolar como meio para isso.

Deixe uma resposta para Alexandre Anzilotti Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s