Reação das Universidades ao MEC e ao CNE se amplia

O Blog da Formação informa que cresce em várias Universidades o movimento de resistência à Resolução 02.2019 e 01.2020 que estabeleceu a Base Nacional Comum da Formação de Professores para formação inicial e continuada respectivamente.

“O posicionamento firme de inúmeras IES, que em suas faculdades de educação e colegiados de curso vêm mobilizando coletivamente estudantes e professores e seus núcleos docentes estruturantes, contribui para fortalecer e organizar a comunidade universitária para a construção de propostas em contraposição às resoluções do CNE que, como vimos analisando desde 2019, pretendem desconstruir os cursos de licenciaturas, minar a produção cientifica e acadêmica das faculdades de educação no campo da educação e das teorias pedagógicas, rebaixar a formação teórica e prática e submeter o trabalho docente à logica tecnicista e pragmática da BNCC e portanto, comprometendo a formação integral da infância e da juventude na educação básica.”

Leia mais aqui.

Sobre Luiz Carlos de Freitas

Professor aposentado da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP - (SP) Brasil.
Esse post foi publicado em MEC sob Bolsonaro, Pastor Milton no MEC e marcado , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Reação das Universidades ao MEC e ao CNE se amplia

  1. NOTA DO FÓRUM DAS LICENCIATURAS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA CONTRA A PORTARIA No 412, de 17 de junho de 2021, que institui o PROGRAMA INSTITUCIONAL DE FOMENTO E INDUÇÃO DA INOVAÇÃO DA FORMAÇÃO INICIAL CONTINUADA DE PROFESSORES E DIRETORES ESCOLARES E CONTRA O EDITAL No 35, de 21 de junho de 2021.

    O Fórum das Licenciaturas da Universidade Federal de Viçosa, em reunião na data de 23 de julho de 2021, decidiu por manifestar publicamente posicionamento contrário ao Programa Institucional de Fomento e Indução da Inovação da Formação Inicial Continuada de Professores e Diretores Escolares bem como ao Edital No 35, de 21 de junho de 2021. Reiteramos nossa defesa da educação pública, gratuita, laica, plural, socialmente referenciada para todos e todas.

    Viçosa/MG, 23 de julho de 2021.

Deixe uma resposta para Marli Duffles Donato Moreira Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s