Kennedy Alencar: “fica claro que houve golpe”

Não precisamos de 20 anos para descobrir. Como também, aqui, defendemos que o que estava em curso contra Dilma era um golpe, registro o depoimento de Temer nessa semana, no programa Roda Viva, através de matéria de Kennedy Alencar:

“Temer restabeleceu a verdade histórica. Fica claro que houve, sim, golpe parlamentar, expressão que sempre foi usada neste blog e nos comentários na rádio CBN em relação ao impedimento. A tese de golpe foi negada por parcela do país. E agora, José?

Leia íntegra aqui.

O neoliberalismo tem um lado golpista: ele admite que a democracia pode ser “suspensa” quando a estabilidade do mercado assim o exige, ou quando o próprio livre mercado está em risco. E é o próprio Mercado que define quando isso se faz necessário.

Sobre Luiz Carlos de Freitas

Professor aposentado da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP - (SP) Brasil.
Esse post foi publicado em Assuntos gerais e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s