MPT: Normas para trabalho em plataformas virtuais

Com a proliferação repentina do ensino remoto, alunos e professores foram lançados em situações que podem comprometer sua saúde e seus direitos.

O documento foi produzido pela Procuradoria Geral do Trabalho e instrui a atuação do órgão, com o objetivo de indicar as diretrizes a serem observadas por estabelecimentos de ensino.

Segue abaixo o link para a:

“Nota Técnica para a atuação do Ministério Público do Trabalho na defesa da saúde e demais direitos fundamentais de professoras e professores quanto ao trabalho por meio de plataformas virtuais e/ou em home office durante o período da pandemia da doença infecciosa COVID-19.”

Baixe a NOTA TÉCNICA – GT COVID 19 – 11/2020 aqui.

Sobre Luiz Carlos de Freitas

Professor aposentado da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP - (SP) Brasil.
Esse post foi publicado em Assuntos gerais e marcado . Guardar link permanente.

Uma resposta para MPT: Normas para trabalho em plataformas virtuais

  1. Pingback: Educação Pelo Brasil, edição 283 – Jornal Pensar a Educação em Pauta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s