Pensar a Educação: Pandemia e desigualdades

O site “Pensar a Educação” reflete sobre as relações entre as desigualdades que permeiam nossa sociedade, os limites da escola e a pandemia.

“Ao estabelecer o funcionamento da educação à distância como forma de compensar o não funcionamento das escolas, ao manter o calendário do ENEM e ao acenar com a aprovação do projeto de educação doméstica, apenas para citar alguns exemplos, os governos, sob o argumento de proteger direitos, estão, na verdade, precarizando a vida e a escola da maioria da população brasileira.”

Leia aqui.

Sobre Luiz Carlos de Freitas

Professor aposentado da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP - (SP) Brasil.
Esse post foi publicado em Segregação/exclusão e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s