58% reprovam políticas de educação de Bolsonaro

Pesquisa feita em junho de 2019 pelo Todos pela Educação e pela Ideia Big Data, em nível nacional, reprova a atuação do governo na área educacional.

“Mais da metade (52%) dos brasileiros acredita que o Governo Federal deveria priorizar ações como ampliar as vagas em Creches aprimorar a qualidade da Educação Infantilcombater o analfabetismo e melhorar o salário e o trabalho dos professores.”

Leia aqui.

Acesse a pesquisa aqui.

O ensino domiciliar, por exemplo, é importante apenas para 2% da população; acabar com a doutrinação em sala de aula é preocupação apenas de 1% da população, junto com incentivar os alunos a filmar professores. A ampliação de escolas militares impressiona apenas 4% do pais. Como se vê, este é o tamanho do impacto da agenda conservadora.

Nosso real problema é a agenda neoliberal, como se vê agora com a política e financiamento das Universidades e se verá, posteriormente, quando saírem as medidas para o ensino básico.

Sobre Luiz Carlos de Freitas

Professor aposentado da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP - (SP) Brasil.
Esse post foi publicado em Assuntos gerais, Homeschooling, Links para pesquisas, Militarização de escolas, Weintraub no Ministério e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s