Kroton se reestrutura de olho na privatização

A educação virou um negócio que segundo a Kroton, pode chegar a 174 bilhões de reais. A empresa está fazendo ajustes para operar tanto no mercado do ensino superior, como na educação básica. A atuação envolve, ensino distância, presencial e a produção de materiais didáticos para as duas áreas, bem como uma apoiadora de “startups”.

Leia aqui.

Sobre Luiz Carlos de Freitas

Professor aposentado da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP - (SP) Brasil.
Esse post foi publicado em Privatização, Weintraub no Ministério e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s