Razões para as reformas empresariais

Savana Diniz explica muito bem (veja post anterior) as ligações entre as atuais propostas do documento Pátria Educadora e a reforma do estado iniciada no governo Fernando Henrique Cardoso. Além deste vínculo “histórico” está a realidade atual dos empresários muito bem explicada também por Alexandre Schwartsman na Folha de SP hoje (10-06-15).

“Posto de outra forma, diz o autor, as políticas de estímulo à demanda no contexto de uma economia operando próxima do pleno emprego levaram a aumentos salariais incompatíveis com a expansão da produtividade na indústria, ou seja, à elevação desmesurada do CUT [Custo Unitário do Trabalho] e, ironicamente, à estagnação industrial. (…) Se nosso diagnóstico estiver correto, a recuperação da indústria passará, inicialmente, pela queda do salário real e, mais à frente, pelo aumento da produtividade. “

É isto que os dados iniciais que veiculamos em post anterior estão demonstrando. Daí se explica o ajuste fiscal. Alterar de imediato o valor do salário médio pago pela recessão e desemprego. Enquanto isso, reformas educacionais (Pátria Educadora) deverão garantir no médio prazo uma recuperação mais estável da produtividade pela via do aumento de formandos em vários níveis e, portanto, pela redução da dependência do pleno emprego e consequente queda do salário médio – na visão empresarial.

No entanto, de fato, o movimento do governo liberando 200 bilhões para obras de infraestrutura é significativo pois a questão da infraestrutura para o capital é o gargalo que trava o aumento da produtividade como mostramos anteriormente. A educação entra nisso como coadjuvante.

Sobre Luiz Carlos de Freitas

Professor aposentado da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP - (SP) Brasil.
Esse post foi publicado em Links para pesquisas, Meritocracia, Patria Educadora, Privatização, Responsabilização/accountability. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s