Mangabeira deixa governo

Logo após os anúncios dos cortes orçamentários do governo, o Prof. Mangabeira Unger da Secretaria de Assuntos Estratégicos (SAE) e autor dos documentos do Programa Pátria Educadora, entregou sua carta de demissão, a qual foi aceita pela Presidenta.

O desgaste vinha aumentando com a disputa entre Mangabeira e Janine do Ministério da Educação. A decisão do governo centrar no Plano Nacional de Educação e não na proposta do Pátria Educadora pesou na decisão, juntamente com o fato da SAE estar cotada para perder status de ministério na reforma do governo.

Termina assim uma novela. No entanto, outros Mangabeiras virão. Além disso, seus documentos e ideias poderão ser retomados pelos conservadores e liberais através dos projetos de lei em tramitação no Congresso. O próprio Mangabeira pode ficar por perto do governo na forma de “consultor”, como propôs a Presidenta ao aceitar sua demissão da SAE.

Sobre Luiz Carlos de Freitas

Professor aposentado da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP - (SP) Brasil.
Esse post foi publicado em Assuntos gerais, Patria Educadora, Responsabilização/accountability. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s