Sahlberg: padronização põe em risco a criatividade

 

Segundo Ravitch, Pasi Sahlberg, um educador finlandês que trava uma batalha intensa contra as reformas empresariais da educação, é o ganhador do LEGO Prize 2016. Em seu discurso, Pasi diz:

“Hoje, a curiosidade, a criatividade e, em última instância, uma aprendizagem genuína, estão em risco em qualquer lugar onde os testes de alto risco, Big Data e a responsabilização punitiva sejam os condutores dominantes do que os professores e os alunos fazem nas escolas. Esta é uma consequência direta do atual movimento global de reforma da educação. Escolas em todo o mundo tornaram-se locais de rotinas padronizadas que visam o cumprimento de objetivos pré-determinados em nome de melhorar a competitividade. Nossas crianças estão, portanto, sujeitas a testes e avaliações frequentes que as medem e as dividem com base unicamente em como elas se desempenham sob estas expectativas externas “.

Ver também do autor: Finnish Lessons.

Sobre Luiz Carlos de Freitas

Professor aposentado da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP - (SP) Brasil.
Esse post foi publicado em Links para pesquisas, Meritocracia, Privatização, Responsabilização/accountability. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s