Capes, Consed e Undime: unidos no equívoco

Dando continuidade à equivocada estratégia do MEC de implementar a BNCC de cima para baixo, a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) firmou (em maio deste ano) um Acordo de Cooperação Técnica com o Conselho Nacional de Secretários de Educação (CONSED) e a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (UNDIME), visando à implantação dos programas que integram a Política Nacional de Formação dos Profissionais da Educação Básica.

O acordo visa, também, o aprimoramento da formação de professores em cursos de formação inicial e continuada.

O Acordo, publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira (6), terá vigência de dois anos, prorrogáveis por iguais e sucessivos períodos.

Não se deve desprezar o fato de que CONSED e UNDIME trabalham em articulação com a Fundação Lemann e o Movimento pela Base.

Baixe o acordo aqui.

Sobre Luiz Carlos de Freitas

Professor aposentado da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP - (SP) Brasil.
Esse post foi publicado em Mendonça no Ministério, Responsabilização/accountability e marcado . Guardar link permanente.

Uma resposta para Capes, Consed e Undime: unidos no equívoco

  1. Pingback: Capes, Consed e Undime: unidos no equívoco | Grupo de Estudos e Pesquisa em Avaliação e Organização do Trabalho Pedagógico

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s