Jeb Bush e seus negócios

Postado originalmente na Uol em 4/07/2011

Jeb Bush sobrevalorizou a Política Florida de Educação

Revisão de sua apresentação encontra inúmeras alegações infundadas e não embasadas

Boulder, CO (30 de junho de 2011) Grande quantidade de dinheiro e esforços estão sendo gastos para promover um pacote de reformas conhecido como a “Fórmula Florida.” Mas este impulso político, sendo conduzido pela Fundação do ex governador da Florida Jeb Bush para Excelência em Educação, baseia-se em afirmações exageradas e infundadas sobre a existência, extensão e causas da melhora do rendimento dos alunos, de acordo com uma nova revisão das alegações da Fundação.

Estas alegações foram apresentadas em várias formas, mas entre as mais proeminentes está a apresentação do próprio Bush, acompanhada por slides PowerPoint. A apresentação de 15 de junho de 2011 feita por Bush aos legisladores de Michigan foi revista pelo Dr. William Mathis, diretor do NEPC. A revisão foi publicada pelo NEPC, situado na Universidade do Colorado em Boulder, Faculdade de Educação.

Jeb Bush criou a Fundação de Excelência em Educação após completar seu segundo mandato como governador da Flórida. A missão declarada da fundação é realizar uma campanha, estado por estado, para “apoiar a reforma, principalmente com base no sucesso da Fórmula Florida sobre o desempenho do aluno.”

A premissa do argumento de Bush é que a pontuação da quarta série da Florida em leitura na Avaliação Nacional do Progresso Educacional (NAEP) e testes de leitura do estado experimentou grandes ganhos. Esses ganhos são, então, supostamente atribuído ao Sr. Bush a seis amplas reformas que estavam entre as políticas da Florida promulgadas em mais de duas décadas. As reformas são: atribuir letras (avaliação) às escolas; testes de alto impacto; novos requisitos para a promoção e graduação; pagar bônus para educadores; alternativas de credenciamento de novas professoras, e vasta expansão da escolha da escola pelos pais.

Em sua revisão, Mathis observa que a apresentação em si assemelha-se a partes e gráficos de um relatório da Fundação Heritage, que foi remontado para vários estados. Além disso, o principal autor do relatório Heritage está agora na equipe de funcionários da fundação Bush. O relatório Heritage foi objecto de uma análise muito crítica em novembro de 2010. Ver em Http://nepc.colorado.edu/thinktank/learning-from-florida .

De acordo com Mathis, em vez de uma consideração abrangente e objetiva do impacto das políticas da Flórida, a apresentação de Bush “é claramente uma ferramenta de defesa projetada para fazer avançar um conjunto particular de propostas de reforma.” Isso resultou em uma apresentação enganosa, com Bush promovendo várias políticas que a pesquisa rigorosa tem mostrado ser ineficazes ou mesmo prejudiciais.

“Fundamentalmente, a apresentação de Bush se baseia na alegação de falacioso causal argumentando que o seu conjunto de reformas introduzido na Flórida entre 1992 e 2011 causou ganhos na pontuação de leitura da quarta série”, escreve Mathis. “Nenhuma prova é fornecida para manter essa ligação. Além disso, esta alegação ignora o fato de que algumas das reformas indicadas foram implementadas tardiamente em 2010, e algumas ainda não estão implementadas. ” (…)

O resultado, diz Mathis, é a afirmação errônea de que as reformas produziram os ganhos na pontuação da quarta série em leitura, ignorando dados contraditórios, explicações alternativas críveis e avisos sobre os perigos das medidas sugeridas.

Os decisores políticos estariam bem aconselhados se ignorassem o vendedor Jeb Bush e olhassem para a sólida evidência de pesquisa, objetiva.”

Encontrar a revisão William Mathis no site do NEPC em:

 http://nepc.colorado.edu/thinktank/review-florida-formula

Sobre Luiz Carlos de Freitas

Professor da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP - (SP) Brasil.
Esse post foi publicado em Links para pesquisas, Postagens antigas da UOL, Responsabilização/accountability e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s