Giroux analisa recentes greves do magistério americano

Henry A. Giroux analisa as greves conduzidas pelo magistério em várias partes dos Estados Unidos em novo artigo: “Striking Teachers Beat Back Neoliberalism’s War on Public Schools”. Para ele:

“Os professores estão cansados de serem vítimas implacáveis de um capitalismo de cassino, no qual eles e seus estudantes são tratados com pouco respeito, dignidade e valor. Eles se cansaram de políticos corruptos, administradores de fundos de investimento hedge e analistas civicamente analfabetos seduzidos pelo poder de empresários demagogos e políticos que estão travando uma guerra contra o ensino crítico, a pedagogia crítica e a criatividade e autonomia dos professores em sala de aula.”

Leia íntegra aqui.

Sobre Luiz Carlos de Freitas

Professor aposentado da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP - (SP) Brasil.
Esse post foi publicado em Links para pesquisas, Meritocracia, Privatização, Responsabilização/accountability, Segregação/exclusão e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s