A imprensa e suas bobagens…

Postado originalmente na Uol em 6/07/2010

O governo brasileiro não dispõe de tecnologia para comparar escolas particulares com escolas públicas.

A tecnologia está disponível, chama-se cálculo de valor agregado, mas não é usada pelo INEP.

Portanto qualquer comparação entre escolas particulares e privadas é pura bobabem. Para realizar esta comparação seria necessário que se tivesse uma medida de como o aluno chegou na escola no início da primeira série do ensino fundamental. Fixado um ponto de partida, poder-se-ía, então, verificar quem ensinou mais: se a particular ou a pública. Ocorre que nas redes privadas os alunos chegam com um nível de conhecimento elevado já na primeira série, enquanto que na rede pública, já chegam com um nível menor de conhecimentos. Entretanto, isso não tem nada a ver com a escola pública. Uma escola pública que recebe um aluno com pouco conhecimento pode ensinar mais do que uma escola privada que recebe o aluno com alto nível de conhecimento e pouco agrega além disso. O alto nível de desempenho verificado ao final de uma série na escola privada, pode não ser mérito da escola.

Medir o final da quarta, da oitava série do ensino fundamental ou da terceira do ensino médio, não permite chegar a nenhuma conclusão. É preciso ter o dado de entrada. Tão simples assim.

Com seu viés privatista a mídia, novamente, veicula bobagens. Novamente tenta sugerir que o privado é melhor que o público.

 Folha de São Paulo, 05/07/2010 – São Paulo SP

Rede pública está 3 anos atrás da particular

Aluno que termina ensino fundamental em escola particular sabe mais que formando do ensino médio público. Apesar disso, distância entre as redes diminuiu entre 2005 e 2009, segundo dados do Ministério da Educação

Leia a matéria em:

http://www1.folha.uol.com.br/saber/761807-rede-publica-esta-3-anos-atras-da-particular.shtml

Sobre Luiz Carlos de Freitas

Professor aposentado da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP - (SP) Brasil.
Esse post foi publicado em Enem, Postagens antigas da UOL. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s