Campinas segue o caminho de Pelotas

A mesma empresa que está sendo questionada em Pelotas, está agora sendo chamada para analisar o sistema de ensino de Campinas e introduzir melhorias. Na cidade, a administração municipal é do PSB de Eduardo Campos, partido que é organicamente comprometido com ações de privatização na área da educação.

Esta mesma empresa cobra em Pelotas mais de dois milhões de reais para analisar 20 escolas do sistema de ensino municipal. Em Campinas ela envolverá 10 escolas. Aqui o contrato é mais amplo envolvendo outros setores da Prefeitura.

O Coletivo de Educadores da Rede Municipal de Educação de Campinas tem mais informações.

Aqui, os vereadores Renato Simões e Carlão entraram com representação junto ao Ministério Público, seguindo o caminho de Pelotas.

Sobre Luiz Carlos de Freitas

Professor aposentado da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP - (SP) Brasil.
Esse post foi publicado em Links para pesquisas, Meritocracia, Privatização, Responsabilização/accountability. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s